Highslide for Wordpress Plugin

Pastoral das Artes da Paróquia Frei Galvão encena a Paixão de Cristo

Foto: Lucinéia Dote - Pascom Frei Galvão

 

Pastoral das Artes da Paróquia Frei Galvão, encena a Paixão de Cristo e emociona público em Vargem Grande Paulista

A Pastoral das Artes da Paróquia Frei Galvão apresentou nos dias 01 e 02 de Abril, o belíssimo espetáculo A Paixão de Cristo.
A encenação, aconteceu na Cooperativa do município e reuniu cerca de 600 expectadores em cada uma das apresentações. Jovens, adultos e crianças da paróquia emocionaram o público com suas atuações que levaram todos a reviver as dores de Jesus no calvário e o amor de Maria.
Em virtude do Ano Mariano, celebrado no Brasil pelos 300 anos da aparição da imagem de Nossa Senhora nas águas do Rio Paraíba do Sul, e contemplando Maria como modelo de fé, a Pastoral  das Artes, buscou apresentar a história sob o ponto de vista da mãe de Jesus.
A presença marcante de Nossa Senhora no primeiro milagre de Cristo ao transformar água em vinho nas Bodas de Caná, foi representada na cena em que  Ela  narra à João e Madalena,  como tudo aconteceu. Momentos nunca antes visto e sequer imaginado pelos fiéis, retrataram Jesus em raro momento de descontração, dançando e brincando com os amigos e com sua mãe na festa de casamento, levaram o público a refletir sobre o lado humano de Deus!
Outra passagem que impressionou os expectadores, foi a morte de Judas Iscariotes, cercado por demônios e aterrorizado por um fundo musical marcante.
No momento mais esperado do espetáculo, a condenação e morte de Jesus Cristo,  os efeitos especiais utilizados pela equipe técnica, trouxeram ainda mais emoção e realidade ao fazer com que o “sangue de Jesus” espirrasse, nos mais próximos, a cada golpe desferido.
Marcando o final de uma noite inesquecível para toda a Paróquia Frei Galvão, a ascensão de Nossa Senhora aos Céus, um dos dogmas da Igreja Católica, foi exaltado com muito amor e devoção pelos atores e aplaudido de pé pelo público de fiéis que encantados não puderam conter as lágrimas de emoção.

Fonte: Pascom - Frei Galvão