Highslide for Wordpress Plugin

Diocese de Osasco

Últimas Notícias

Diocesanas, Notícias › 27/03/2019

Fórum das Pastorais Sociais discute “Questões práticas sobre a Campanha da Fraternidade”

No dia 21 de março, aconteceu o Fórum das Pastorais Sociais, promovido pelo Setor Pastorais Sociais de nossa diocese, tendo à frente o coordenador diocesano do setor, Pe. Alexandre Pessoa Garcia, e sua executiva, formada por três leigas e um leigo (Conceição, Elza, Rezilda e Horácio). Dom João Bosco acompanhou os preparativos do evento e esteve presente, deixando sua palavra de incentivo. O fórum contou com mais de quarenta pessoas, muitas delas líderes na Igreja e na sociedade de Osasco e outros municípios de nossa diocese.

Monsenhor Claudemir, Pe. Cláudio Gabriel e o vereador de Osasco Rogério Santos marcaram presença e participação ativa.  Com a assessoria de Ana Paula Loureiro Harada (Conselho Municipal do Idoso/Anoscar) e Laércio Mendonça (Secretaria Municipal do Trabalho), deram-se encaminhamentos a “Questões Práticas sobre a Campanha da Fraternidade”, que foi o tema do fórum.

Muitas perguntas foram feitas e questões levantadas. Evidenciou-se a complexidade do Estado em suas diversas instâncias e o consequente desafio de uma participação cidadã ativa.

Muitas necessidades e lacunas foram apresentadas. Assumimos, neste primeiro momento, duas tarefas julgadas importantes:

  • Mapeamento dos Conselhos de Saúde no município de Osasco (UBS, UPA, PS, Policlínicas e Hospitais): a justificativa desta escolha é a urgência de participação dos munícipes nesses conselhos. Conforme falas no fórum, “os conselhos de saúde em Osasco não funcionam”, também foi dito que “muitas pessoas morrem devido à precariedade da saúde em nosso município”. Independente da pertinência das falas, e aqui não podemos endossá-las, tampouco refutá-las, é fato que o sistema de saúde não parece tão saudável. Evidenciar problemas e avanços pode ser uma contribuição futura de grande relevo para o nosso povo e uma ajuda para o poder público municipal, no sentido prestar um serviço de mais qualidade à população.
  • Audiência Pública sobre políticas públicas (a ser ainda marcada): a justificativa desta escolha é possibilitar a discussão dos problemas, buscando caminhos de solução, e ampliar a participação social e política do cidadão, participação que não deve se reduzir ao voto.

As duas tarefas assumidas estão direcionadas ao município de Osasco. É de se desejar que isso possa ser ampliado para os outros municípios de nossa diocese.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X