Highslide for Wordpress Plugin

26ª Semana Bíblico-Catequética

Foto: Divulgação

Entre os dias 16 e 20 de julho de 2018 realizaremos a nossa 26ª Semana Bíblico-Catequética com o tema “Batismo – Porta pela qual se entra na Igreja,” e lema “Fomos todos batizados num só Espírito para sermos um só corpo” (1Cor 12,13).

A abertura acontecerá em cada uma das nossas regiões pastorais, com exceção da Região Santo Antônio, que celebrará a Semana juntamente com a Região Pastoral São José Operário.

Como nesse ano teremos como tema central o sacramento do Batismo, a espiritualidade Batismal será o fio condutor dos encontros entre os catequistas desde o princípio, na abertura regional.

Aproveitaremos a Semana Catequética para mergulharmos nesse sacramento que abre as portas da Igreja a todos nós, esse que é o primeiro dos Sacramentos de Iniciação à Vida Cristã, e a nossa primeira profissão de fé. Pelo Batismo somos incorporados a Cristo, constituídos povo de Deus, nos tornamos homens e mulheres novos, renascidos em Cristo. “Pelo Batismo nós fomos sepultados com Cristo na morte, a fim de que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim também nós vivamos vida nova.” (Rm 6,4).

Essa imersão no Batismo será feita a partir da espiritualidade de sua celebrações, ritos e símbolos que, além de terem um caráter didático, deverão nos aproximar do mistério dos sacramentos e suscitar a vivência incondicional da fé. Tais aspectos são fundamentais, pois ajudam a deixar mais visível algo que é invisível, e levam a perceber que o Batismo é indelével e unge todo o nosso ser, renovando a nossa fé. Como por exemplo: com o rito da vela percebemos como Cristo é luz nas nossas vidas; ao sermos assinalados com a Cruz de Cristo, somos marcados com sinal maior de nossa fé. E assim, como o óleo do Crisma, a veste batismal, e, é claro, o maior dos símbolos, a água que nos purifica de todos os nossos pecados.

Lembremos a oração do Ano do Laicato onde pede “que todos os batizados atuem como sal da terra e luz do mundo”, uma vez que os leigos, pelo batismo, recebem a participação na vocação única deste povo: sua vocação sacerdotal, profética e régia.

O encerramento será também regional com a celebração da Santa Missa e a entrega simbólica dos certificados do Módulo I – Bíblico da Escola Discípulos de Emaús.

Esperamos contar com a presença não só dos catequistas, mas também da participação dos demais agentes de pastorais, em especial dos agentes da Pastoral do Batismo.

Que Maria Santíssima nos cubra com seu manto sagrado e interceda sempre junto ao seu Filho amado.

Fonte: Comissão Diocesana da Animação Bíblico-Catequética