Highslide for Wordpress Plugin

Diocese de Osasco

Últimas Notícias

Destaques, Diocesanas, Notícias › 27/11/2019

Solenidade de Jesus Cristo, Rei do Universo

Na tarde do domingo, 24 de novembro, a Igreja Católica Particular da Diocese de Osasco se reuniu para a Solenidade de Jesus Cristo, Rei do Universo, a celebração da Jornada Diocesana de Pastorais e Movimentos e ação de graças pelo encerramento do ano litúrgico, no Ginásio de Esportes José Corrêa, em Barueri.

Após a adoração ao Santíssimo Sacramento, foi dado início a missa solene presidida por D. João Bosco e concelebrado pelos padres da diocese, com a renovação das promessas batismais.

O Papa Pio XI instituiu esta solenidade em 1925, mas foi o Papa Paulo VI deu à festa seu atual título completo (Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo Rei do Universo) e transferiu para o último domingo do ano litúrgico.

Sobre a festa, escreveu Pio XI “Se todo o poder foi dado ao Senhor Jesus, no céu e na terra, se os homens, resgatados pelo seu sangue preciosíssimo, se tornam, com novo título, súditos de seu império, se, finalmente, este poder abraça a natureza humana em seu conjunto, é claro que nenhuma de nossas faculdades se pode subtrair a essa realeza. É mister, pois, que reine em nossas inteligências: com plena submissão, com adesão firme e constante, devemos crer as verdades reveladas e os ensinos de Cristo. É mister que reine em nossas vontades: devemos observar as leis e os mandamentos de Deus. É mister que reine em nossos corações: devemos mortificar nossos afetos naturais, e amar a Deus sobre todas as coisas”. (Quas Primas, 34)

 A festa de Cristo Rei teve inicio às 13h com momentos de louvor e adoração ao Santíssimo Sacramento

Dom João, no começo da celebração se lembrou de D. Ercílio Turco, bispo emérito da Diocese de Osasco, falecido em 30 de outubro, com 81 anos, vítima de um câncer. É a primeira vez que a diocese se reúne após o seu falecimento.

Na homilia, o bispo salientou a diversidade de carisma, dons e unções, um mosaico da igreja dedicada a Jesus Cristo, Rei e Senhor “Somos a sua carne, seu sangue, somos os seus ossos e seus nervos”, disse. “Se nós ainda temos a ideia de um Deus de sucesso, de um Deus de poder e milagres espetaculares, o sinal mais completo, mais expressivo de seu reinado é justamente seu Santo Amor”, lembrou.

Dom João também recordou dos quatro pobres que morreram na última semana em Barueri, vítimas de envenenamento.

A celebração reuniu diáconos, religiosos, seminaristas, autoridades do município de Barueri, representantes dos movimentos, pastorais e associações e grande comunhão de leigos da família diocesana.

Carolina Gonzaga – Pascom Diocesana

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X